terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Alguém para ser



Na medida do que o 
Criador projetou, sou orfã.
Encontro-me na borboleta
e seus azuis, no ramo
das azaléias oferecendo seu dom;
na lírica da chuva e seu
véu. Estou para um raio
de sol, depende.

Clêudia Antônia Barbosa da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário